terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Biju entra em anúncio de Natal




24 comentários:

  1. Respostas
    1. Está a referir-se ao peru, certo? :)

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Obrigada, António.
      Um Feliz Natal para si também!

      Um abraço

      Eliminar
  3. Menino Jesus dos gatos, fazei com que tenha sido tudo um pesadelo, eu sei que nem sempre me porto bem, sou um bocado larápio, arranho o sofá novo, puxo as fitas da árvore de Natal, brinco com as bolas, dou umas trincas nos cantos dos móveis, matei o canário, fiz chichi na mochila do meu dono e um arranhão no melhor amigo ele, roí a planta da sala, eu sei, parti o bibelot mais bonito que estava à entrada, mas o peru queimado, carbonizado, assim, sem eu ter feito nada! Salva ao menos o peru, Menino Jesus dos gatos, sonhava tanto com uma febra daquelas na noite de Natal!

    Gosto muito de ti,
    Biju

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gatinho Biju, deixe-se de manhas. Todos sabemos que não está arrependido de nada. Aliás, o seu ar de regozijo pelas trapalhadas que aprontou durante a gravação do anúncio são bem visíveis no “Behind the Scenes” do mesmo. O roteiro era outro. Mas o elenco, com um gato arisco à cabeça, só podia dar nisto. Não era essa a mensagem natalícia que a conceituada cadeia de supermercados pretendia apresentar quando lhe fez o simpático convite de participar no seu vídeo oficial de Natal. O cenário foi montado com muito carinho. Eu mesma cuidei da decoração e dos arranjos de flores, temperei o peru e coloquei-o no forno enquanto a encantadora família dormia e sonhava com os presentes. Pois, mas que sarilho que lá arranjou! Queimou o pobre do peru, destruiu a casa, desalojou uma família inteira e obrigou os vizinhos a fazer limpezas no dia de Natal! E ainda tem o desplante de vir para aqui escrever cartas ao Menino Jesus e utilizar as técnicas de persuasão que aprendeu no estágio que fez com o Gato das Botas:
      https://www.youtube.com/watch?v=sMXNWPGqVG8

      Lamento, mas acho que merece um Natal sem peru.

      Eliminar
    2. ...e se for uma perua, pode ser, Menino Jesus dos gatos?

      Juro que me arrependo, que vou ficar bonzinho até ao Natal. Podem fazer outro anúncio, que eu colaboro, com uma perua a assar no forno...

      Eliminar
    3. Olha que conveniente! Ficar bonzinho a duas semanas do Natal!
      Se quiser participe no passatempo do Mercado da Carne lá no sítio da Cocó na Fralda e habilite-se a ganhar 5 perus inteiros ou recheados para o Natal. Boa sorte!
      Se não ganhar, pode ser que eu me deixe levar pelos seus lindos olhos e lhe arranje uma codorniz para a ceia, vá.

      Eliminar
    4. Ah, e como se tudo não fosse já suficiente, ainda quer apanhar uma perua para, depois, andar por aí aos ziguezagues e partir as porcelanas e as salvas aqui do "Salão Estrela d'Alva, Chás, Queijos e Manteigas das Melhores Proveniências".
      Beba chá!

      Eliminar
  4. 1. E lá no sítio da Cocó, qual é o receio? Recheio que...acho melhor a codorniz, mesmo que seja com o dedo no nariz, vá.

    2. Pirua qui nem dondoca, entendeu? Nádá dji pilequi, vixe! Só bebo leitchi mezmo, dáqueli prá gato. :)

    Passar bêm, Doná Provênienciá!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 1. Se quer saber qual é o recheio, dirija-se ao guiché da Cocó. Mas tire senha primeiro que aquilo está concorrido, vá, vá já.
      2. Parece que foi brasileiro numa das suas sete vidas. Pelo estilo, estou mesmo a ver que tem algum grau de parentesco com o Zé Carioca.

      Passe bem, gátchinho

      Eliminar
    2. Miau! Sou gátão viu, misprimenta, vá...Sou carióca sim, como é qui adjivinhou, benzinho? Foi pelá tátuágen? Qui dilicia dji môça, dona esmissi.

      Um ronrom prá cê. Inté. Vou lá tirá à sênha, sim. Dispois vorto, quêridjinha.

      Eliminar
    3. 1. Gatinho, vejo-me obrigada a admitir que os anúncios de Natal não são o seu forte. Constato que tem outros talentos.
      2. Desconfio que o leitinho para gato tinha muito cálcio.

      Boa noite, Gatinho tatuado

      Eliminar
    4. Ôi, gatôna, tou trazendo um fraguinho prá cê; já não tchinha péru...a. Como não cômi? Eu a páquérá, cê? Vixe Máriá! Si tchinha cálcio, tchinha sim, tá vendo como rêci, dona? Não querrr messmo? Piorrr prá cê. Frango Cocó é messsmo bom. Vou vortar.

      Antchipáchica!

      Eliminar
    5. Tádjinho!
      Faltou-lhe o c no crêci...

      Beijinho, Miss Smile. :)

      Eliminar
    6. Se conhecesse a psicologia dos gatos, Freud explicaria a omissão do "r"...

      Um beijinho, parceira de brincadeiras no receio :)

      Eliminar
    7. passavam a caçar atos, em vez de ratos...ou seriam actos?

      :)

      Eliminar
    8. Atos, claro está, que nos últimos tempos tem-me dado para comer "c" como quem come rebuçados.
      Quanto às caçadas, passavam a ter prólogo, três atos e um epílogo.

      :)

      Eliminar
  5. Eheheh.

    Beijocas,Miss Smile,das gordas.:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então, venham elas. É dessas que eu gosto, das mais encorpadas :)

      Beijocas anafadinhas e luzidias, Maria :)

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Só se mete em sarilhos :)

      Um beijinho, GM

      Eliminar
  7. Já conhecia.
    E é excelente!!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está bem feito, sim senhora.

      Um beijinho, Pedro

      Eliminar