segunda-feira, 26 de junho de 2017

Um jardim sonoro



I love gardens. They do not reject people. There one can walk freely, pause to view the entire garden, or gaze at a single tree, plant, rock, and sand snow: changes, constant changes.

Toru Takemitsu (1977)





As mais bonitas



... palavras de amor não se conhecem, porque são sempre ditas por dentro.