quarta-feira, 19 de abril de 2017

Uma ilha




Sentir o teu abraço como uma muralha que o tempo não pode destruir. Perder-me na tua respiração, no cheiro do amor da tua pele. Inventar palavras sem sentido, que só se ouvem com o coração. Sermos só nós e o dia, numa ilha de luz perlada.